Sobre

Quando era criança, lá em Brusque, Santa Catarina, eu tinha um daqueles quadrinhos na parede do quarto, que descrevem nosso signo, ele dizia assim:

Áries:

Eu sou um ser incansável, corajoso, perspicaz, impulsivo, sensível, amante da natureza… 

Algumas das palavras eu nem conhecia, não tinha ideia do significado, mas acreditava que eu era, ou seria assim. Sempre amei decorar poemas, textos e tudo mais … E acho que de tanto repetir essas palavras, as absorvi.

Tive a coragem de mudar de cidade pra fazer faculdade e deixei lá todos os meus amigos que eram a minha vida. E essa foi apenas a primeira mudança, pois muitas outras vezes aconteceu isso. De Brusque pra Floripa, depois por um curto período pra Alemanha, pra Nova York, pra Honolulu e agora, sabe lá por quando tempo, o meu CEP é o de Los Angeles.

Com tantas mudanças, aprendi que o melhor de tudo é olhar pra trás e ver como cada passagem foi intensa, pois tenho muitos amigos em cada lugar, e isso é o máximo! E eles são um pouco de mim, e tudo pra mim, ajudaram nesse meu aprendizado nessas passagens por terras estrangeiras.

Gosto de colher histórias de gente, de lugares, de gostos, de desgostos. Sentir os cheiros! Aliás, acho que boa parte das minhas lembranças vêm de perfumes e odores. Eles me transportam para a infância, para pessoas, lugares e sentimentos.

Jornalista apaixonada pela palavra – escrita, pensada, falada, jogada ao vento – tenho a necessidade de colocar pra fora tudo que está dentro de mim, de compartilhar experiências, emoções, coisas dessa vida nômade, dessa – louca – jornada que me trouxe a cobrir Hollywood e passar momentos com esses ídolos que assisti na mágica tela do cinema a vida inteira.

Sempre tive em mente aquela frase que diz:  “Que minha coragem seja maior que meu medo”. Sou daquele tipo que mete a cara, aceita um desafio e depois resolvo como vou colocá-lo em prática.

Como nem tudo entra nas reportagens aqui vai um pouco do meu dia a dia como jornalista, mãe, ariana chata, observadora, cigana, amante da vida saudável e orgânica!

E também dessa busca que tenta afirmação de que sou aquela pessoa que descrevia o quadrinho da infância… o ser incansável, corajoso, perspicaz, impulsivo, sensível, amante da natureza… e de outras palavras que agreguei ao meu vocabulários nessas décadas.

Sou jornalista há 16 anos, formada na UFSC. Trabalhei por quase 10 anos na TV em Santa Catarina e resolvi cair no mundo. Fui para Nova York ser correspondente internacional, fiquei lá três anos e os anjos me deram de presente uma mudança para o Havaí. Foram quatro anos no paraíso! E depois eles mesmos me mandaram para a Cidade dos Anjos… É em Hollywood que agora escrevo mais um capítulo dessa história.

Aqui um pouco do meu portfólio:

cleide.klock.jor.br

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s